Other Manual Translations: English Español

Regras Diferentes: Transformação

Na parte quatro de uma série de quatro sobre as regras diferentes que  os Cristãos são chamados para viver, o Rev. Pedro Pillot da igreja Asbury UMC em Camden, NJ ensina que para fazer discípulos de Jesus Cristo, a transformação começa no nosso coração.

Regras Diferentes com Pedro Pillot
3) Amor

Transcrição:

Meu nome é Pedro Pillot. Eu sou o pastor da igreja Asbury United Methodist Church em Camden, New Jersey. 

O slogan da mensagem de Jesus é simples: arrependa-se! Pois o reino de Deus está próximo. Quer dizer, mude o seu coração porque o mundo, como você o conhece, não vai durar para sempre. O mundo em que Jesus pregou 2.000 anos atrás estava atormentado com a mesma maldade, injustiça e opressão que vemos hoje. As boas novas que Ele pregou é que as coisas não precisam ser assim. A mudança é possível, mas significa que vamos ter que nos arriscar; sair da nossa zona de conforto; quer dizer dar um grande salto de fé em um jeito radical de se viver. A mensagem de Jesus nos chama a pensar em nós mesmos como imigrantes nesse mundo, passando por aqui por um tempo limitado. E assim como uma comunidade de imigrantes, nós temos o nosso próprio jeito de fazer as coisas.

Nesse mundo, o mais rico, o mais poderoso são aplaudidos, mas no Reino de Deus, o que serve que é digno de louvor.

Nesse mundo, você recolhe o máximo possível, e doa o excesso, mas no Reino de Deus, você tem certeza de que o seu vizinho tem o que comer enquanto você está enchendo a sua vasilha.
Nesse mundo, se alguém te prejudicar você busca vingança, mas no Reino de Deus, nós escolhemos o perdão, não porque somos fracos, mas porque nós sabemos que o amor é maior do que o mal feito contra nós.

Nesse mundo, você trata os outros como eles te trataram, mas no Reino de Deus, nós lembramos que abaixo de camadas de trauma, dor, ódio e raiva, em cada ser está a imagem de Deus.

Se sinceramente seguimos a Jesus, a nossa religião tem que ir além de comparecer a igreja no domingo e tem que passar além dos limites da nossa zona de conforto. Tentar viver de acordo com os caminhos do Reino de Deus naturalmente nos guia a transformação dentro de nós mesmos e no mundo ao nosso redor, através do poder de Deus, trabalhando no amor que compartilhamos. Seguir a Jesus quer dizer que nos levantamos contra o mal, a injustiça a opressão em qualquer forma: seja racismo, sexismo, homofobia, violência, guerra, exploração econômica.

É possível viver no Reino de Deus sem ser transformado, porque a lógica do Reino de Deus é contra o instinto humano. É por isso que é arriscado seguir a Jesus e exige que ponhamos a nossa fé em Deus. Requer que demos mais do que a nossa zona de conforto nos permite, perdoar em vez de ficar com raiva, amar até os que não nos amam.
Essa é a chave de tudo - o risco de confiar em Deus, e deixar que sejamos transformados por um amor tão poderoso que sabemos que pode transformar o mundo através de nós.