O que fazer em dias difíceis

Por Jordan Taylor 

Todo mundo na vida, já teve a experiência de sentir dificuldade em ser visto, conhecido e amado. Nós vivemos em um mundo que nos diz que temos que ser os melhores ou temos que fazer tudo - isso facilmente nos deixa desanimados. Às vezes esse é um mundo cansativo e solitário. Aqui vão algumas idéias de como combater esses sentimentos exaustivos e as situações acerca deles. 

Disponible en español Available in English

Lembre-se das palavras que Deus te diz, em vez das palavras e sentimentos do mundo. Escute a verdade, não do mundo, mas de Deus. Eu faço isso através da leitura das Escrituras, particularmente versículos,  histórias e Salmos que dizem quem Deus diz que sou. As palavras das Escrituras me levam a retornar a verdade em vez do engano que os meus sentimentos me causam.

Música também me ajuda a meditar em mensagens e verdadeiras vozes. Eu tenho uma playlist de músicas que eu ouço quando estou lutando contra a minha depressão e ansiedade -- algumas músicas tem letras inspiradas pela fé, outras tem um som leve, acústico que me impulsiona a caminhar devagar e me aquietar. Quando eu encho o meu cérebro com música, com boas palavras que são bondosas e verdadeiras, as outras vozes se silenciam e eu foco nas palavras que estou ouvindo.

2. Faça o que te traz alegria.

O que te traz ALEGRIA? Deus nos deu habilidades, paixões, e passatempos para encher as nossas vidas de uma alegria que é singular. Levar tempo para descobrir o que te traz alegria e levar tempo para praticar essas coisas, glorifica a personalidade que Deus deu a você e te permite ter um momento para se distrair das suas aflições.

Você gosta de estar ao ar livre? Faça uma caminhada, planeje uma viagem para acampar ou uma aventura ou passe um tempo em um parque.

Você é uma pessoa artística ou criativa? Invista o seu tempo para aprender algo novo, seja um projeto criativo no Pinterest, uma nova receita ou uma nova música na guitarra.

Fazer as coisas que nos traz alegria nos proporciona ver o porquê Deus nos fez como somos; os passatempos e paixões que nos trazem alegria são uma extensão de Deus e da bondade que Deus nos dá - então quando a vida nos põe pra baixo, nós podemos nos levantar procurando maneiras de sermos felizes no meio disso tudo. Quando descobrimos o que  dá sentido à vida, nós descobrimos mais sobre quem somos e do que somos capazes.

3. Passe tempo com Deus

Às vezes é difícil de encarar a vida. Mas nós não sofremos sozinhos - Deus é por nós e Ele está conosco a cada passo do caminho.

Tire um tempo para se aquietar e lembrar que Deus é: Pai, Conselheiro, Amigo, em quem podemos confiar. Faça tudo o que te leva para perto de Deus: escreva as suas orações em um diário; converse com Deus; aproveite a criação de Deus na natureza; ouça música ou faça uma obra de arte. Lembre-se que Deus é contigo e te ama, não importa as situações da vida.

Eu sou muito fã de transformar as escrituras em orações de respiração. Quando eu inalo eu respiro um versículo ou frase; quando eu exalo, eu respiro outro. Por exemplo:

Inalar: O Senhor é meu pastor.
Exalar: Eu tenho tudo o que preciso.

Inalar: O Senhor é meu pastor.
Exalar: Eu tenho tudo o que preciso.

E por aí vai. Eu faço isso quando estou no meio de uma situação difícil e não posso sair do que está acontecendo; isso me ajuda a achar força nas palavras e promessas de Deus, mesmo quando tenho dificuldade de entendê-las.

4. Procure a comunidade

Eu me afasto de amigos e da comunidade quando estou me sentindo emocionalmente abalado. Deus nos criou para conhecer e amarmos uns aos outros na comunidade; nós não fomos criados para enfrentar dificuldades sozinhos. Invista tempo durante a semana para se unir a comunidade - seja a igreja, saídas com os amigos, um clube literário ou comunidades digitais. Procure pessoas com quem você goste de passar tempo, amigos que vão caminhar contigo, vão te ouvir, te desafiar, e te amar por quem você é. Abra a sua vida para as pessoas. Encontrar bons amigos faz a maior diferença.

5. Lembre e Relembre

Eu sou uma pessoa sentimental - eu guardo a maioria dos cartões, cartas e outras lembranças dos amigos ou eventos. Eu gosto de olhar a minha caixa de lembranças e reviver as memórias ou pensar com carinho nas pessoas que escreveram aquele cartão ou aquela carta. Quando eu estou passando por problemas ou me sentindo mal, eu uso as cartas, cartões e outros mimos como lembranças de que alguém me ama, que eu tenho boas memórias, que coisas boas acontecem comigo e que alguém me vê como uma pessoa de valor. Talvez você não seja sentimental e talvez você não guarde esses lembretes que amigos te deram. Passe um tempo se lembrando dos bons tempos, relembrando as memórias dos amigos e reconheça que você é muito amado.

6. Escreva.

Eu sou um grande defensor de escrever sobre o que está me incomodando: escrevo o que está acontecendo, como estou me sentindo, quem está me fazendo sentir desse jeito, etc. Tirar tudo da cabeça e colocar nas minhas mãos faz tudo parecer mais real, mais fácil de se lidar. Quando tudo está escrito, eu posso voltar e ler tudo o que eu escrevi e processar o que está acontecendo quando não estou tão emocionado.

Você não é de escrever? Faça uma lista de emoções que você está sentindo, uma lista de soluções para os seus problemas e uma lista de jeitos de combater o que está te incomodando. Não precisa ser escrito perfeitamente - isso é só pra te ajudar a organizar o que está acontecendo com você.

7. Ache uma saída.

Às vezes você tem que se retirar da sua situação e dos seus sentimentos. Tire uma semana, um dia, uma hora para esvaziar a cabeça e pensar na sua situação. Se você puder sair fisicamente, ir a um café, ou escapar através de um programa de TV ou um livro, se separar da tensão do momento traz clareza e discernimento. Dê uma saída se você puder, e tire um tempo para respirar, pensar e planejar os seus próximos passos.

8. Converse com alguém

Seja um bom amigo, um mentor ou um conselheiro, ache alguém que vai te escutar, segurar a sua mão e te ajudar a superar o seu problema. É importante ter alguém que vai ter escutar, alguém que vai ter compaixão e te ajudar sempre. Achar esse tipo de pessoa leva tempo, mas vale a pena achar alguém que te ajude dessa forma.

O que quer que seja que te derrubou na vida, tem sempre meios para ficar em pé. Tire um momento, um dia após o outro até você aprender a se livrar do que está sentindo. Pode levar tempo e requer várias táticas para você se livrar desses sentimentos, mas você nem sempre vai se sentir assim.

Nós te aconselhamos a se envolver com a comunidade de fé e com outras pessoas que vão te apoiar. Você pode encontrar Igrejas através do site Encontre Uma Igreja.


Jordan Taylor é um escritor e blogueiro que vive em Nashville, Tenn.

Disponible en español Available in English